12 de ago de 2012

DICAS DOMÉSTICA LEGAIS


Alimentos
AVES - Para LIMPAR a gosma da carne de Aves, lave-a com água corrente, esfregue, e mergulhe a carne num recipiente com água fria suficiente para cobrir tudo, misturada a 2 colheres de sopa de vinagre. Deixe algum tempo e depois lave novamente em água fria.
-
AZEITE – CONSERVAÇÃO - Quando abrimos uma lata ou garrafa de azeite, ele começa a oxidar, suas características se alteram, inclusive o azeite virgem. Deve ser consumido conforme está na data de validade, no máximo em 2 ou 3 anos. Mas para aumentar a sua vida útil, guarde suas azeitonas ou pimentas dentro da garrafa de azeite. Altera o sabor, não resta dúvida, mas aromatiza e amplia a sua vida útil.
-
BOLOS - Quando quiser deixar um Bolo bem FOFINHO, coloque o sal da receita diretamente sobre as gemas na hora do preparo.
- O seu bolo GRUDOU na forma? Fácil – coloque a forma na chama do fogão durante 5 minutos, dê umas sacudidas na fôrma, ele sai inteiro..
-
FRITURAS - Para a fritura NÃO ABSORVER ÓLEO demais, é só acrescentar um pouquinho de vinagre no óleo enquanto ainda estiver frio.
- Para ABSORVER o óleo das frituras utilize folhas de alface. À medida que elas forem encharcando, vá trocando. Isso dispensa o papel absorvente…
-
FRUTAS - Quando colocadas na geladeira devem ir para a gaveta própria, e se conservam frescas por mais tempo se junto a elas for colocada uma esponja úmida.
-
LEGUMES - Para saber se um legume está COZIDO, basta enfiar a ponta de uma faca enquanto ele ainda está na panela. Se não ficar preso à faca, escorregar e cair, está cozido e no ponto.
-
PIMENTA – ARDOR – Comeu alguma coisa com muita pimenta? Não beba água porque a água intensifica o ardor, beba leite. A queimação acontece por causa da capsaicina, que está ligada aos receptores nervosos da boca. O leite contém caseinato de cálcio, que refresca a boca. Mas se você estiver em um jantar não vai pagar o mico de pedir leite no meio do jantar, certo? As melhores opções depois dele são a cerveja e o vinho – ainda bem, né não???
-
REUTILIZAÇÃO DE ÓLEO usado para fritar os alimentos deve ser evitada, pois este tipo de processo vai aumentando o teor de gordura saturada devido à absorção, pelo óleo, da gordura liberada pelos alimentos fritos (Inmetro). Mas se você não liga para isso, reaproveite o óleo de cozinha utilizado nas frituras
filtrando-o com Bom-Bril (novíssimo, limpo) direto para um vidro – esterilizado e absolutamente seco. Aprendi que colocando um pedacinho de miolo de pão na frigideira, se ele não ficar escuro é possível aproveitar o óleo, caso contrário, é melhor descartá-lo. 

9 de ago de 2012


Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação” (II Timóteo 1.7)

Nós não vencemos o medo com jejum e oração, mas vencemos com a luz da Palavra de Deus. As trevas se dissipam e o inimigo não tem mais lugar para ocupar na sua mente, porque a luz da Palavra te mostra as coisas exatamente como elas são.

Você precisa ter a mente e os pensamentos corretos, alinhados com a Palavra de Deus, para que nenhuma sombra das trevas e nenhuma impressão errada te governem.

Uma das definições para a palavra medo é: mestre das ilusões. Ou seja, o medo tenta fazer você pensar que uma coisa é o que ela não é. O medo tenta fazer você enxergar as coisas por outro ângulo, mas se você põe a luz da Palavra de Deus não irá enganar-se.

Você não vai ficar em trevas, limitado, preso em um quarto escuro, porque tem a Palavra de Deus e Ela dissipa todas as trevas. Sabe o que o medo faz com você? Ele rouba as oportunidades.

O texto de Mateus 25 relata uma parábola dos servos que receberam os talentos que o Senhor havia confiado a eles. E aquele que recebeu um talento ao invés de ter feito o que os outros fizeram com o que recebeu, ele pegou o talento que possuía e escondeu, porque teve medo.

Os outros administraram os talentos segundo a habilidade que lhe foram dados, segundo o dom que havia neles e fizeram os seus talentos prosperarem, mas aquele que recebeu uma pequena parte, dando ouvidos as informações que haviam falado contra o mestre, o dono dos talentos, ele teve medo.

Quantas pessoas não têm coragem de se apresentar diante do Senhor para dizer: “Pai me perdoa. Porque eu pequei, mas eu preciso do seu perdão. Eu reconheço o meu pecado”.

Existem pessoas sendo oprimidas por causa do medo, porque ouviram dizer que Deus é um juiz rigoroso. Que Ele julga, castiga, amaldiçoa. Muitas pessoas não têm conhecido o caráter e a bondade do Senhor por causa do medo.

Algumas pessoas têm estado dentro dos seus quartos, em suas casas sendo totalmente limitadas. Existem homens que perderam a coragem de sair para procurar emprego, porque o diabo disse a eles:“Você já está velho, não vai mais conseguir, porque já passou do tempo, têm muitos jovens que são mais sábios e mais inteligentes que você, e nunca vai conseguir!”    

Em quantas áreas da vida de pessoas o diabo tem avançado, por causa do medo. Medo de ficar sozinho, medo de dormir e não acordar mais, medo de sair de casa, medo de morrer, de viver, de ficar doente, medo de câncer, medo de pobreza, medo de muitas coisas.

Você não foi criado para estar debaixo de jugo, do medo, da escravidão e da opressão. 

O Senhor quer dizer para você: Não temas! Não importa o lugar onde estiveres. Deus é poderoso para te guardar.

5 de ago de 2012

Bíblia Católica e Bíblia Evangélica: Qual a diferença?


Creio que muitas pessoas têm dúvidas relativas a possíveis diferenças entre a Bíblia Católica e a Bíblia Evangélica. Seriam essas diferenças que levam evangélicos a discordar dos católicos e vice-versa?
Como ex-católico, conheço as duas bíblias e creio que as duas diferenças existentes entre elas são: Número de livros e tradução.

Numero de livros.

bíblia evangélica tem sete livros a menos em relação à bíblia católica. Estes livros são: Tobias, Judite, I Macabeus, II Macabeus, Baruque, Sabedoria e Eclesiástico.
Estes livros foram considerados pelos judeus da palestina como não sendo inspirados pelo Espírito Santo e por isto os evangélicos os rejeitam como parte da bíblia. Colabora ainda o fato destes livros não terem sido citados por nenhum autor do Novo Testamento.

Tradução

Primeiro, é preciso entender que a bíblia foi originalmente escrita em hebraico e aramaico (antigo testamento) e grego (novo testamento). Posteriormente o AT foi traduzido para o grego.
As bíblias escritas em outros idiomas como inglês, espanhol, francês, alemão, português, etc, são versões do grego original. Desta forma, cada tradutor usou expressões diferentes em seu próprio idioma para representar aquilo que estava escrito em grego.
As diferentes versões da bíblia, normalmente não alteram o sentido original, por isto, tanto a tradução católica como a evangélica tem o mesmo princípio. Evidentemente que alguns termos podem ter sido adaptados a uma comunidade em detrimento de outra.

Tradução da bíblia para o português

bíblia evangélica usada no Brasil foi traduzida para o português por João Ferreira de Almeida, um português católico que se converteu ao protestantismo em 1642 e logo em seguida iniciou o trabalho de tradução. A versão de Almeida foi a primeira em língua portuguesa.
bíblia católica possui diversas traduções. Não sei precisar se há alguma versão preferida. Soube recentemente que a versão “Nova Tradução em Linguagem de Hoje” (versão evangélica) da Sociedade Bíblica do Brasil foi adotada por uma importante editora católica.

Conclusão

As diferenças entre a bíblia católica e a bíblia evangélica não torna uma verdadeira e outra falsa. Ela é única em sua essência e tem o mesmo propósito que é apresentar a salvação em Jesus Cristo.
Católicos e evangélicos submetem à mesma palavra. O critério de salvação para um evangélico é o mesmo para um católico. Se os evangélicos insistem que é necessário aceitar a Jesus Cristo como seu salvador e obedecer à palavra de Deus, a bíblia católica não desmente isto, pelo contrário, ela confirma isto.
Portanto, a diferença entre evangélicos e católicos não é pelo que está na bíblia e sim pelo que não está na bíblia. Enquanto que os evangélicos têm sua fé fundamentada exclusivamente nas sagradas escrituras, os católicos baseiam-se também na tradição e nos dogmas da igreja, como: a  assunção de Maria, a infalibilidade do papa, o purgatório, o culto aos mortos, entre outros. Estes ensinamentos não são bíblicos e, portanto são alguns dos pilares que distanciam evangélicos de católicos.
Fiquemos com a bíblia, pois a bíblia é a palavra de Deus, inspirada pelo Espírito Santo e fonte de toda a informação que o homem precisa para conhecer a Deus.
 
Fonte: http://interpretedesonho2009.dihitt.com.br